top of page

Ontem invasores digitais impediram uma conferência democrática

Na quarta-feira, dia 02 de agosto, tentei entrar via google meeting numa conferência da Engenharia pela Democracia, a EngD, em que um professor da Unicamp viria levantar questões sobre a nossa educação profundamente perturbada.

Não consegui entrar e não entendi porque, depois, num e-mail, Cesar Cantú me informou que não houve o evento porque ele foi invadido por crimynosos digitais.

Os hackers compram os dados das privadas de comunicação, ou são empregados pelos interessados em destruir a democracia e as "grandes empresas" da tecnologia, google, meta (whatsapp), telegram vendem nossos dados que eles dizem estar criptografados e protegidos mas que são simplesmente produto à venda para quem pagar melhor, e assim os criminosos podem interferir, atrapalhar, copiar tudo que fazemos. Claro, repassam para os donos do golpe!

Como estamos nas mãos do google, da meta (whatsapp), do telegram, das privadas de telefonia, ficamos também mais vulneráveis. Num breve momento as nossas telecomunicações foram estatizadas assim como a nossa energia elétrica, mas durou pouco porque o vendilhão F(ilha da Puta)HC repassou para as privadas aquilo que era nosso. Certamente que não fez isto pelo bem da nossa população, mas certamente para meter a mão na grana. General geisel (pronuncia: g-e-i-s-e-l ou de preferência "filho de pastor alemão") saiu do governo para ser "presidente" da DowChemical....em pagamento pelos serviços prestados!

Temos que fazer que nem fizeram os chineses, criaram suas próprias redes sociais, isto nacionaliza as comunicações. Eu já escrevi sobre isto, fechar a nossa Internet localizando nos municípios, nos estados e finalmente criando um hub nacional por onde entrar e sair todo o fluxo de internet. Isto iria localizar nosso fluxo de internet, tornar mais rápidas mais confiáveis nossas comunicações.

Hoje todas as nossas comunicações passam pelas mãos do google e das privadas de comunicação e todos eles vendem pelo melhor preço qualquer que sejam as informações.

Por exemplo, eu nunca nem passo pela calçada do bradesco, do itau ou do santander, mas recebo ofertas de cartão e outros serviços do itau, e do santander ou do hsb. Como? eles compram das privadas de comunicação as informações sobre os clientes que têm melhor renda para lhes oferecerem seus serviços.

Os milicos guardam seus segredos militares (hahahaha!!!!) em documentos que escrevem com M$word então a C.I.A. copia todo que lhe interessa de nossa segurança militar, idem das informações secretas do Governo Brasileiro. O Gov. Lula, com o Amaral haviam estabelecido que o padrão de sistema no governo seria uma distribuição Linux o que protegia os documentos do governo brasileiro contra vazamentos (ou vendas) da M$soft. Aliás, o gov Lula havia criado uma distribuição Linux do governo brasileiro e foi a primeira coisa que o Vampirão fez, quando deu o golpe: voltar tudo para a M$soft.

Nas mãos das privadas estamos vulneráveis. Mais vulneráveis e mais lentos. Eu escrevo uma mensagem a um amigo, minha mensagem vai para a California para depois ser enviada a São Paulo, e no caminho passa pelo olho do google que copia textos para produzir a IA, quer dizer, plágio, e informações que lhe possam interessar de nossas vidas privadas.





20 visualizações

Comentários


bottom of page