top of page
  • Foto do escritorEngD

Opinião da EngD | O 8 de Março e os desafios das mulheres

Atualizado: 2 de mar.



Inicia-se hoje (1º/3) o mês que celebra as ideias festejadas em 8 de Março – Dia Internacional das Mulheres. A data, comemorada por alguns países desde o início do século 20, em homenagem às lutas das trabalhadoras por seus direitos, foi escolhida em 1975 pela ONU (Organização das Nações Unidas) como efeméride mundial.

 

No Brasil e no mundo, as mulheres (especialmente as trabalhadoras) estão às voltas com diversos enfrentamentos: à restrição nas oportunidades; à discrepância salarial entre gêneros; à escassez de mulheres em postos de decisão nas organizações e na política; à prática corriqueira do assédio, do machismo e da misoginia.

 

A isso se soma o menosprezo dos direitos sexuais e reprodutivos, sobretudo o direito à maternidade, que penaliza injustamente as mulheres em sua ascensão profissional. O combate a todas essas formas de violência – das mais sutis até o feminicídio – é atitude essencial que requer a união de homens e mulheres.

 

Participando desse sentimento, o movimento Engenharia pela Democracia (EngD) promoverá inúmeras atividades ao longo de 2024, sinalizadoras da importância de todos se alinharem pelos direitos das mulheres. Esses eventos, abertos ao público, serão realizados em conjunto com outras instituições democráticas no âmbito da Engenharia, Agronomia, Geociências e Arquitetura – com destaque para o Clube de Engenharia e a Associação Brasileira de Engenheiras e Arquitetas Nacional.

 

Graças a essa unidade pioneira, as entidades selecionaram temas relacionados aos problemas cotidianos com que as mulheres se deparam. As atividades buscarão levantar conhecimentos e proposições para a construção de políticas públicas mais efetivas, ao que todos podem – e devem – contribuir.

 

A EngD convida homens e mulheres a aderirem a essa importante programação e a seus desafios. A reconstrução o Brasil passa pela valorização da pauta das mulheres, rumo à sua emancipação e a uma sociedade mais justa e igualitária.

127 visualizações

Comments


bottom of page